lomadee

sábado, 10 de novembro de 2012

Biografia de Anahí



Anahí Giovanna Puente Portilla ,

conhecida mundialmente pelo nome

artístico Anahí (Cidade do México ,

14 de maio de 1983), é uma cantora ,

compositora , atriz, empresária ,

dançarina , modelo e estilista de

moda do México .[2] Como cantora

solo, Anahí lançou cinco álbums de

estúdio, três coletâneas muscais,

quatro singles, realizou três turnês

musicais e vendeu mais de três

milhões de álbuns, desde o

lançamento de seu primeiro disco,

em 1993. [3]

Seu primeiro álbum, Anahí , lançado

em 1993, foi tema da série mexicana

Chiquilladas, da qual fazia parte do

elenco, que foi seguido por ¿Hoy es

mañana? , lançado em 1996. Em

2004 , integrou o elenco da telenovela

Rebelde , da qual surgiu o grupo

musial RBD, do qual também fez

parte. Como integrante do RBD, a

cantora lançou seis álbuns de

estúdio, três álbuns ao vivo, mais de

vinte singles, vendeu mais de 50

milhões de CDs, realizou concertos

em mais de 100 cidades, em 23

países e conquistou diversos

prêmios, tendo recebido duas

indicações ao Grammy Latino .[4][5]

[3] Em 2009, ao término do grupo,

Anahí assinou contrato com a

gravadora EMI Music e retornou ao

cenário musical com o álbum "Mi

delirio ", recebendo Disco de Ouro

pelas vendas no Brasil , tronando-se

a segunda intérprete mexicana a

realizar tal fato no país. [6][7]

Em 2011, Anahí foi convidada para

participar do evento "Non-Violence,

See", que ocorreu em julho, em

simultâneo aos Jogos Olímpicos de

Londres, em 2012. [8] Especulou-se

que a cantora poderia se apresentar

ao lado do ex- Beatle Ringo Starr, o

que não ocorreu. [9] A atriz foi

considerada uma das dez artistas

mais influentes do México, bem

como a mexicana mais influente das

redes sociais, a decima mulher mais

sexy do planeta, de acordo com a

revista VIP , e a "Celebridade Latina"

de 2011, de acordo com o canal

latino E! Entertainment Television

(E!).

Biografia e Carreira

1983 — 1998: Infância e Início de

carreira

Nascida na Cidade do México , capital

do México , em 14 de maio de 1983,

Anahí Giovanna Puente Portilla é

filha mais nova da mexicana

Marichelo Portilla e do escritor

espanhol Enrique Puente. Anahí tem

duas irmãs: Marichelo e Diana

Puente, sendo Diana sua irmã

apenas pelo lado paterno. [13][14]

[15]

Anahí começou sua carreira aos dois

anos de idade, por pura casualidade,

no programa infantil "Chiquilladas",

da Televisa, quando foi acompanhar

sua irmã Marichelo a gravação do

programa e durante o intervalo

pegou uma escova e começou a

cantar e dançar em frente a um

espelho e foi quando chamou a

atenção do produtor que resolveu

colocá-la em frente às câmeras para

ver a reação da pequena. [13] Assim,

tornou-se parte do elenco, onde

além de atuar, interpretava o tema

de encerramento diário: "Te doy un

besito ". [13] Ainda durante vários

anos, a pequena notável foi a

imagem de uma famosa marca de

refrigerantes, a Fanta.[13] Além de

"Chiquilladas", Anahí participou de

outros porgramas infantis, como "La

Telaraña", em 1986 e "Súper Ondas",

em 1989. Desde então, a atriz não se

limitou somente à televisão e passou

a atuar nos cinemas, em filmes como

"Asesinato a Sangre Fría", e "Había

una vez una estrella", com David

Reynoso e Pedro Fernández, ambos

em 1989. Por sua atuação neste

último filme, recebeu em 1991, o

prêmio Palma de Oro por seu

destaque como atriz infantil. Em

1991 , gravou outro filme, "Nacidos

para morir", com Humberto Zurita, e

neste mesmo ano atua nas novelas

"Garotas Bonitas", " La Pícara

Soñadora " e "Madres Egoístas". Em

1992, atuou nos filme "Ayúdame

Compadre", no qual trabalhou junto

de sua irmã Marichelo ; "El Ganador",

e "No Me Defiendas Compadre".

Além disso, atuou na telenovela

"Ángeles sin paraíso" e gravou seu

primeiro disco, Anahí, o qual

promoveu em toda a república, se

apresentando durante durante cinco

semanas no circo Atayde, com El

show de Anahí. [13]

Em 1993, Anahí interpreta o tema

"Mensajero del Señor", dedicado ao

Papa João Paulo II, devido à sua

visita a Yucatán, México . Em 1995,

aos doze anos, participa de Alondra,

novela mais exitosa da época, que

foi vendida para vários países e foi a

que fez com que a Anahí ficasse

conhecida em outros países como

Espanha e Venezuela. Ainda no

mesmo ano Anahí grava a série

Mujer, Casos De La Vida Real que

mostra o cotidiano de mulheres

trabalhadoras que cuidavam dos

filhos. Em 1996, lança seu segundo

disco ¿Hoy Es Mañana? e grava a

telenovela "Tú y Yo". Em 1997 , grava

a telenovela Mi Pequeña Traviesa e

lança seu terceiro disco, Anclado En

Mí Corazón, já em 1998 , atuou em

Vivo por Elena . Ainda em 1998, aos

quinze anos de idade, Anahí para de

frequentar escolas e passa a ter

professores particulares em casa,

terminando os estudos mais cedo e,

posteriormente, formando-se em

estilista de moda. Neste mesmo ano,

é chamada para gravar a série "Una

Pura y Dos Con Sal", onde tem sua

primeira protagonista em trabalhos

de televisão.

1999 — 2003: Primer Amor, Clase

406 e Problemas

Com o fim da série, Anahí passou a

integrar o elenco de Mujeres

engañadas pela qual ganhou um

Prêmio TVyNovelas na categoria Atriz

Revelação Feminina e, logo mais, "El

diario de Daniela ", e posteriormente

protagonizou, ao lado de José Joel, o

filme "Inesperado Amor". Em 2000 o

produtor Pedro Damián chama

Anahi parar fazer Primer Amor - A

Mil Por Hora , seu primeiro

protagônico em uma novela, ao lado

de Kuno Becker , com quem realiza

um dueto para a novela e lança seu

quarto albúm de estudio Baby Blue ,

que vende cerca de 50 mil cópias no

México.

Em 2002, Anahí é convidada

novamente por Pedro Damián para

se integrar à segunda temporada da

novela Clase 406 , onde protagoniza o

papel de Jéssica Riquelme, uma

garota milionária, órfã de mãe,

caprichosa e de coração frio; ao

decorrer da trama, sua personagem

vai se transformando até torna-se

mais doce e humilde.

Antes de estrelar em Clase 406,

Anahí enfrentou um distúrbio

alimentar grave, anorexia nervosa.

Em seu peso mais baixo, ela pesava

aproximadamente 35 quilos, estava

dentro e fora dos cinco centros de

tratamento diferentes, e tinha sido

enviada para vários médicos e

psicólogos em torno México. No dia

29 de abril de 2001 a cantora voltou

de viagem de férias com a família, e

começou a ter sensações de

desmaios, sendo levada às pressas

para um hospital, onde seu coração

parou por oito segundos. Em 2008,

com o apoio da Televisa, Anahí

lançou a campanha Si Yo Puedo, Tú

También, que ajuda adolescentes

com essa doença.

2004 — 2008: RBD e Fama

Mundial

Depois de seu otimo desempenho

em Primer Amor e Clase 406, o

produtor Pedro Damián a chama

para realizar um papel protagônico

na telenovela Rebelde, remake

mexicano da original argentina

Rebelde Way. A par da telenovela,

forma-se o grupo RBD, composto

por ela, Dulce María , Maite Perroni,

Alfonso Herrera , Christopher

Uckermann e Christian Chávez. Junto

ao RBD , Anahí grava vários discos,

entre eles Rebelde, em 2004, Tour

Generación RBD en vivo , Nuestro

amor , em 2005 e Celestial, em 2006.

Ainda em 2006 , lançam outra

produção ao vivo: Live in Hollywood

e, no mesmo ano, a primeira

produção em inglês: Rebels. Já em

2007, lançam Hecho en España ,

outra produção ao vivo; e Empezar

Desde Cero. O grupo torna-se um

fenômeno mundial e alcança vários

prêmios, entre eles Premios

Juventud , "Billboard Latin Music

Awards", "Premios Lo Nuestro",

"Premios Oye", "Orgullosamente

Latino" e outros mais. Com o RBD ,

Anahí consegue diversos discos de

platina e de ouro e realiza turnês em

vários lugares do mundo, sendo um

dos acontecimentos mais

importantes da música mexicana

das últimas décadas. A atriz e

cantora conhece mais de 23 países,

canta em mais de 116 cidades, vende

mais de 15 milhões de discos, 4

milhões de DVD's, além dos 17

milhões de downloads na Intrernet,

sem contar sua versão da famosa

boneca Barbie. Em 2005 , é lançado

Antología , disco com as melhores

canções de suas produções

anteriores: ¿Hoy Es Mañana? ,

Anclado En Mí Corazón, Baby Blue e

Juntos, do álbum Primer Amor - A

Mil Por Hora . Em 2006 os direiros do

seu álbum anterior Baby Blue são

adquiridos pela Universal Music que

o relança em junho a nível mundial

sob o titulo de Una rebelde en

solitario , que vende mais de 700.000

cópias no México e mais de

1.000.000 de cópias no mundo

inteiro, sendo considerado o álbum

de maior sucesso na carreira da

cantora, desde então. No ano

seguinte é lançada também outra

recopilação: Antes De Ser Rebelde,

desta vez com os temas de seus dois

primeiros ábuns solo.

Em 2007, ainda no auge, o sexteto

apresenta a série RBD: La Familia ,

que trata de mostrar como o grupo

é na “vida real”, com situações

parecidas com a vida que levam,

para que os fãs tenham uma ideia de

como é o RBD atrás dos bastidores,

não se trata de um reality show,

tudo o que ocorre na série é ficção.

Junto ao RBD , faz uma participação

especial em Lola... Érase una vez! ,

onde, inicialmente havia sido

chamada para interpretar a

protagonista, mas devido à sua

agenda lotada teve que rejeitar o

trabalho. No mesmo ano, faz uma

participação especial no seriado

Always Contigo, onde participa de

dois episódios.

Em maio de 2007, abre sua loja na

Cidade do México, a Anahí World.

Com a influência que a Anahí tem em

vários lugares, suas lojas passam a

ser consideradas um ponto turístico.

Durante as viagens em turnê, Anahí

aproveita para desenhar novos

modelos de roupas e calçados, entre

outras coisas.

Ainda em 2008 , faz sua estreia solo

em um dueto realizado com o cantor

Tiziano Ferro e Dulce María na

canção El Regalo Más Grande,

alcançando o segundo lugar na

parada italiana . A canção faz parte

do álbum de Tiziano Ferro . Em 15 de

agosto de 2008, após quatro anos de

êxito, o grupo RBD anuncia sua

separação e realiza uma turnê

mundial de despedida chamada Tour

del Adiós, que passa por toda

América Latina e Europa . [16] . No

ano seguinte lançam, então, o último

ábum de estúdio Para Olvidarte De

Mí e o DVD Tournée do Adeus,

marcando para sempre a tragetória

do maior grupo pop mexicano das

últimas décadas.

2009 — 2011: Mi delirio e Dos

hogares

Em 2009, Pedro Damián oferece a

Anahí o papel principal de Verano de

Amor, mas a mesma recusa para se

dedicar a sua carreira musical. Em

março do mesmo ano também é

convidada para participar de

Sortilégio , mas rejeita a proposta por

conter varias cenas de sexo. Sendo

assim, assina contrato com a EMI

Music , e tem seu single Mi Delirio

lançado durante os Premios

Juventud 2009 . Em novembro

retornou ao Brasil para iniciar a sua

primeira turnê solo, intitulada Mi

Delirio World Tour [17] e ainda

participou do Programa do Jô. A

turnê ainda passou pela Argentina ,

Chile , Eslovênia, México , Romênia,

Sérvia e Venezuela. Foi eleita pela

Billboard com a 7ª turnê mais

lucrativa do primeiro trimestre de

2010. Apenas nos 9 primeiros shows

de 2010 foram arrecadados mais de

851 mil dólares. [18] . Em 24 de

novembro de 2009 , é lançado, então,

seu quinto álbum solo Mi Delirio.

Ainda em novembro, foi lançado o o

videoclipe Mi Delirio , faixa-título do

disco, sendo censurado no YouTube,

por conter cenas improprias para

menos de 18 anos. O Youtube

alegou que o vídeo não segue as

regras de conteúdo veículado no

site. Dias depois, o clipe foi liberado

e já se encontra disponivel no

YouTube [19] .

Em fevereiro de 2010, participou do

Festival Viña del Mar no Chile , onde

cantou seus singles, encerrando sua

apresentação com uma performance

polêmica da canção Él Me Mintió,

onde foi muito criticada por lembrar

a performance de Lady Gaga ,

quando cantou Paparazzi , no MTV

Video Music Awards 2009, e acabou

toda ensanguentada no palco [20] . A

primeira fase da Mi Delirio World

Tour foi encerrada em março na

Cidade do México , com um grande

espetaculo e várias participações

especiais. Em maio, lançou o clipe

do single promocional Quiero e em

junho, o clipe do segundo single do

álbum Me Hipnotizas , um dos

grandes sucessos deste álbum [21] .

Ganhou um "Orgullosamente Latino'

na categoria "Canção Latina do Ano"

com Me Hipnotizas .[22] Apresentou

os Kids' Choice Awards México e

concorreu em 3 categorias,

ganhando em Artista Favorita e Look

Favorito, [23] além disso, executou

seus singles e pela primeira vez o

single Alérgico .

Retornou ao Brasil em outubro com

a Mi Delirio World Tour Reloaded e

ainda participou dos programas

Programa do Gugu [24] , Programa

Hebe [25] , Acesso MTV , Domingo

Legal , Tudo é Possivel [26] e

Programa Eliana [27] . A turnê ainda

pessou pela Argentina, México ,

Espanha , Roménia, Croácia , Sérvia e

Venezuela. Em novembro, lançou o

álbum Mi Delirio - Edición Deluxe,

reedição do álbum Mi Delirio que

contém faixas inéditas e um texto

especial do autor brasileiro Paulo

Coelho . O albúm debutou em #14

no México ficando sete semanas no

Top 100 [28] . A canção Alergico foi a

segunda canção mais tocada no

México durante onze semanas e foi

número um no iTunes México , sendo

assim, o single de maior sucesso

desde albúm. Pobre Tu Alma seria o

último single do álbum, porém, por

motivos desconhecidos a canção não

virou single.

Em 11 de março de 2011 Anahí

divulgou que descobriu através de

uma tomografia que, o oxigênio que

naturalmente deve chegar ao

cérebro, estava bloqueado em uma

grande porcentagem, devido a um

desvio de septo que, poderia causar

um acidente vascular cerebral, para

resolver o problema, Anahí teve que

fazer uma operação e tudo acabou

bem. [29]

Realizou um dueto

com o cantor

Christian Chávez na

canção Libertad em

homenagem ao

publico gay, que em

apenas dois dias o

clipe tinha mais de 1

milhão de

visualizações no

YouTube .[30]

Retornou ao Brasil

em março com a

turnê Go Any, Go,

tendo participações

do cantores

Christian Chávez,

Noel Schajris e

Penya, que passou

pelo Brasil e teve

seu fim no México .

A gravadora EMI

Music publicou que

o CD Mi Delirio havia

sido disco de ouro

no Brasil, pelas

20.000 cópias

vendidas, [32] sendo

a segunda cantora

mexicana a

conseguir esse

marco, a primeira

foi Thalía em 1997

com o álbum En

Éxtasis .

Depois de prolongadas negociações,

Anahí aceitou desempenhar o papel

principal em Dos Hogares ,[33] uma

telenovela escrita e produzida por

Emilio Larrosa . A novela estreou em

27 de junho de 2011 e seu último

capítulo em 20 de janeiro de 2012.

Dos Hogares marcou a volta da atriz

a televisão, quatro anos após sua

última aparição em uma série de TV

e foi sua primeira protagonista em

horário nobre.

Foi convidada pela MTV Latina para

gravar a canção Click, tema de

abertura da novela Popland!, em

parceria com os cantores Ale Sergi e

Brian Amadeus. Ainda lançou o clipe

Dividida , tema de abertura da novela

Dos Hogares. [34][35]

2012 — presente: Jogos

Olímpicos e novo disco

Anahí foi convidada por Yoko Ono

para sera primeira embaixadora

latina a fazer parte do projeto The

Non-Violence, que percorre o mundo

inteiro em busca de Paz. Em julho de

2012 a cantora participou de um

evento em simultâneo ao Jogos

Olímpicos , em Londres,

representando a América Latina no

evento patrocinado por Yoko. Na

ocasião, a cantora não chegou a

perfomar nenhuma canção.

A cantora foi convidada por Juan

Gabriel , um grande cantor mexicano

para gravar um dueto para seu novo

CD, que será lançado ainda em 2012,

ainda não foi divulgado o nome da

canção.

Ainda em 2011, mesmo com as

gravações da novela Dos Hogares,

Anahí começou a produzir seu novo

disco, que seria lançado no primeiro

semestre de 2012. A cantora

confirmou que o disco terá canções

em inglês, espanhol e talvez uma em

português, e um dueto com o cantor

Flo Rida . As canções "Dividida " e

"Click", lançadas como canções

promocionais, não estarão presentes

no álbum.

Após a morte de 3 fãs durante uma

tarde de autografos no Brasil, em 04

de fevereiro de 2006 , Anahí lançou

junto ao grupo RBD a "Fundación

Sálvame" (em homenagem a música

Sálvame) para ajudar crianças de

rua. Iniciou suas operações em 01

de maio de 2007. [37] A fundação

serviu no México, Brasil e Espanha.

A primeira atividade para errecadar

dinheiro seria atravéz de um show

gratuito em Copacabana no Rio de

Janeiro e tudo que os patrocinadores

iriam destribuir, iam diretamente

para a fundação. Porém, por

motivos desconhecidos até hoje, o

show não foi realizado. [38]

Devido ter sofrido de anorexia e

bulimia na adolecência, Anahí criou

em 2008 em parceria com a

Fundação Televisa a campanha Si Yo

Puedo, Tú También [39] no qual foi

nomeada a embaixadora da

campanha, para ajudar meninas com

bulimia e anorexia no México. [40]

Para divulgar a campanha, Anahí

gravou vários comercias. [41]

Durante suas viagens com a Mi

Delirio World Tour , Anahí faz

convivencias com os fãs, onde eles

podem tirar uma foto e conversar.

Todo o dinheiro arrecadado é doado

para hospitais que ajuda meninas

com anorexia e bulimia.

Em 06 de outubro de 2011, Anahí foi

convidada por Yoko Ono para sera

primeira embaixadora latina a fazer

parte do projeto The Non-Violence

que percorre o mundo inteiro em

busca de Paz. Anahí adiciona seu

nome ao de personalidades como

Ringo Star , Paul McCartney , Bono do

U2 , Yoko Ono, entre outros. O

slogan da campanha foi feito pela

propria Anahí, o desenho é uma

arma dobrada, dizendo não a

violência. [42]

Somente no website Twitter, a

cantora possui mais de cinco

milhões de seguidores, o que a torna

a mexicana com o maior número

usuários conectados a sua conta da

rede social, superando

personalidades como Thalía e

Paulina Rubio.

A discografia da cantora, excluindo

os trabalhos lançados como

integrante do grupo musical RBD ,

incluem cinco álbuns de estúdio,

quatro coletâneas musicais, um

extended play (EP) e uma trilha

sonora, além de três singles e onze

videoclipes. [44][45]

Seu primeiro disco lançado foi o

Anahí , em 1993. Este álbum, que foi

produzido como um EP foi lançado

como álbum e as canções do disco

faziam parte da serie televisa da qual

Anahí fazia parte, Chiquilladas. Em

seguida lançou os álbuns ¿Hoy es

mañana? e Anclado en mi corazón,

respectivamente, em 1996 e 1998.

[46][47] Na década de 2000, ainda

antes de integrar o grupo mexicano

RBD , Anahí lançara o disco Baby

Blue , no qual estavam inseridos os

hits "Super enamorándome" e

"Primer amor ".[48] Suas canções

foram bem recebidas pela crítica

mexicana, que chegou a comparar a

voz dela com a da cantora Thalía ,

mostrando altos agudos nas

canções. [carece de fontes] Entre

2004 e 2009, Anahí esteve envolvida

com os projetos do RBD, grupo

musical que surgiu na telenovela

Rebelde , também com a participação

de Anhaí. Com o fim do sexteto, em

março de 2009, Anahí firmara

contrato com a gravadora EMI Music

e em outubro daqueel ano lançara

seu quinto álbum de estúdio, Mi

delirio , o qual chegou a receber a

certificação de Disco de Ouro no

Brasil pelas mais de 20 mil cópias

vendidas, tornando-se a segunda

intérprete mexicana a realizar tal

feito no país. [49][50] Como solista,

Anahí vendera mais de três milhões

de cópias, desde o lançamento de

seu primeiro álbum.

Nenhum comentário:

Postar um comentário